terça-feira, julho 21, 2009

TENHO DOIS PAIS

Tenho dois pais.
O Pai que habita nas paragens onde se processam as alegrias que nos serão concedidas
e o pai que mora no cotidiano onde se lavram os labores que nos esculpem para o amanhã.
Pai Celeste.
Mãos que se estendem sobre o vazio onde há permissão para devaneios...
Pai que está ao meu lado,
pai meu de mãos que se alargam para afastar as intempéries do agora.
Pai de olhos serenos e onipotentes que me vigia pelas frestas do tempo para comigo veladamente caminhar. Amparar.
Pai de olhos argutos e presentes que me espreita pelas vielas do zelo para discretamente proteger. Cuidar.
Tenho dois pais.
Pai nosso que estás no céu santificado seja o teu nome...
Pai meu que comigo estás,
abençoado sejas pelo que és e pelo que me dás.

1 comentários:

Taty Amaral disse...

Parabéns querida! Tá ficando muito fofo o seu cantinho! Deus a abençoe de montão! Bjus!

Postar um comentário